Conversa com os mitos PE20

Conversa com os mitos

Ref.: PE20 Compra Segura

Autor Grupo de Estudos dos Gêneros do Discurso !@
Ano de Publicação 2014
Páginas 322
Tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-229-8

R$ 35,00

Escolha uma opção

Produto indisponível
Estudando com os mitos. Por um bom período do ano de 2014, nosso Grupo de Estudos se debruçou sobre a leitura e debate dos mitos. Claro que logo vem a pergunta: Mas porque estudar os mitos? Não se busca nos mitos uma forma pequena, menor, de explicar o mundo... Os mitos são uma forma complexa, riquíssima, de nos ajudar a nos compreender e a compreender a realidade. Foi nessa direção que foram nossos estudos. Além disso procuramos ajuda nos mitos pra nos situarmos melhor no mundo. Às vezes falamos de mitos como de algo utópico, que está por-vir. O mito do socialismo, por exemplo. E quantas vezes os aspectos mitológicos foram utilizados pra causar furor, guerras. Veja o mito da raça pura, por exemplo. E os mitos são utilizados também pra nos manter como somos, pra nos colocar no lugar da identidade. Veja os componentes míticos do carnaval, do futebol, do vira-lata, que ajudam a definir quem somos no Brasil. E quantas vezes as riquezas dos mitos ajudam a compreender melhor nossas raízes humanas, dizer quem somos. Veja a força empregada por Freud na compreensão de todos nós a partir do mito de Édipo. E todos os povos tem seus mitos, seus grandes homens, que servem de direção. Vejamos aqui no Brasil Tiradentes, Getúlio, Lula. Assim, mito não é um delírio, mas nossa força, nosso caminho cotidiano, nosso dia a dia. Os gregos nos ajudaram a entender como os deuses viviam, provocando em nós a possibilidade de também vivermos dessa forma, pois que tínhamos modelos exemplares para cada ação possível nossa. Nós podemos viver como os deuses viviam. Hoje nos defrontamos a toda hora com os mitos. Por mais que a morte do mito tenha já sido pregada em todas as filosofias, já que o pensamento reflexivo deveria decretar o fim da consciência mítica, o certo é que somos míticos, criamos mitos, e nos pautamos por mitos. O mito do cientificismo não deu conta de clarear nossa existência e resolver nossos problemas. Ao contrário é pai de outros mitos muito prejudiciais, como o mito da neutralidade, o mito da tecnocracia e o mito da objetividade, que faz par com o mito da subjetividade, que nos jogam entre o dogmatismo e o relativismo. Não somos um objeto. Não somos uma razão ambulante. Somos humanos. E nos constituímos nas inter-ações, nas relações mediadas por nossos pontos de vista, nossos valores, nossas imaginações, nossos quereres, nossas volições, nossas emoções. As questões emotivo-volitivas são nossas pontes com o outro, mediadas pela linguagem. Compreender isso é mergulhar mais profundamente dentro de nós mesmos. E foi isso que buscamos. Compreender mais profundamente o humano do homem. Que esse estudo que tanto nos ajudou a estudar o homem possa também te provocar a voltar aos mitos clássicos, aos mitos e lendas que nos constituem e também te ajudem a entender o nosso humano.

Valdemir Miotello

Aproveite Também

Tranças e danças. Linguagem, ciência, poder e ensino

João Wanderley Geraldi !@
tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-273-1
236 pág.

APRESENTAÇÃO

Apresentar João Wanderley Geraldi é chuvisco em dilúvio. O tanto de textos já publicados dele, a quantidade imensa de palestras, conferências, bancas, aulas, falas de todo jeito, conversas, risadas, gargalhadas, abraços, inundam seus amigos, seus leitores, os que com ele participaram de pequenas e grandes revoluções, espalhadas por todo esse imenso país, e pelo exterior também. Revoluções profundas. Largas. Amplas. Nos sujeitos e nos seus que-fazeres. Digam ai se exagero?
Esse livro já estava organizado há uns dois anos ou mais. Mas o Geraldi sempre relutante... “Todos já conhecem esses textos...”; “há muita coisa repetida nestes textos...”; “esses textos já não interessam a mais ninguém...”. Bem, pra sabermos disso tudo só mandando esses textos andarem mais ainda pelo mundo, pelos olhos, pelas almas, pelos atos responsáveis e atos irresponsáveis. Continuar a revolução. Alargar as mentes, os corações, as relações. Deixar a palavra andar, circular. Palavra livre. Palavra provocante. Palavra vida.
Mais uma vez temos orgulho de participar dessa andança destas palavras do Geraldi. Que todos se aproveitem de sua força e da clareza possível de seus pronunciados e ditos. Queremos mais.
Boa leitura. Boa vivência!

Os editores

R$ 35,00

-17%

O homem ao espelho

Mikhail Bakhtin !@
Tamanho 12 x 22 - 110 pg.
Filosofia da linguagem
Estudos Bakhtinhianos

R$ 30,00 R$ 25,00

-20%

Leitura em Bakhtin e Paulo Freire palavras e mundos

Edite Marques de Moura !@
Leitura em Bakhtin e Paulo Freire – Palavras e mundos. São Carlos: Pedro & João Editores, 2019. 193p.
ISBN 978-85-7993-746-0 [2ª edição]
1. Bakhtin. 2. Paulo Freire. 3. Leitura. 4. Pedagogia da Leitura. 5. Edite Marques de Moura. I. Título.
CDD – 410

R$ 40,00 R$ 32,00

A elegância dos quero-queros: política & cotidiano

João Wanderley Geraldi !@
A elegância dos quero-queros: política & cotidiano. São Carlos: Pedro & João Editores, 2019. 111p.
ISBN: 978-85-7993-741-5
1. Estudos da vida. 2. Textos políticos. 3. Signos da construção de um país. 4. Autor. I. Título.
CDD – 410

R$ 30,00