Conversa com os mitos PE20
-25%

Conversa com os mitos

Ref.: PE20 Compra Segura

Autor Grupo de Estudos dos Gêneros do Discurso !@
Ano de Publicação 2014
P√°ginas 322
Tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-229-8

R$ 40,00 R$ 30,00 Em até 3x de R$ 10,00 sem juros

Escolha uma opção

Produto indisponível
Estudando com os mitos. Por um bom per√≠odo do ano de 2014, nosso Grupo de Estudos se debru√ßou sobre a leitura e debate dos mitos. Claro que logo vem a pergunta: Mas porque estudar os mitos? N√£o se busca nos mitos uma forma pequena, menor, de explicar o mundo... Os mitos s√£o uma forma complexa, riqu√≠ssima, de nos ajudar a nos compreender e a compreender a realidade. Foi nessa dire√ß√£o que foram nossos estudos. Al√©m disso procuramos ajuda nos mitos pra nos situarmos melhor no mundo. √Äs vezes falamos de mitos como de algo ut√≥pico, que est√° por-vir. O mito do socialismo, por exemplo. E quantas vezes os aspectos mitol√≥gicos foram utilizados pra causar furor, guerras. Veja o mito da ra√ßa pura, por exemplo. E os mitos s√£o utilizados tamb√©m pra nos manter como somos, pra nos colocar no lugar da identidade. Veja os componentes m√≠ticos do carnaval, do futebol, do vira-lata, que ajudam a definir quem somos no Brasil. E quantas vezes as riquezas dos mitos ajudam a compreender melhor nossas ra√≠zes humanas, dizer quem somos. Veja a for√ßa empregada por Freud na compreens√£o de todos n√≥s a partir do mito de √Čdipo. E todos os povos tem seus mitos, seus grandes homens, que servem de dire√ß√£o. Vejamos aqui no Brasil Tiradentes, Get√ļlio, Lula. Assim, mito n√£o √© um del√≠rio, mas nossa for√ßa, nosso caminho cotidiano, nosso dia a dia. Os gregos nos ajudaram a entender como os deuses viviam, provocando em n√≥s a possibilidade de tamb√©m vivermos dessa forma, pois que t√≠nhamos modelos exemplares para cada a√ß√£o poss√≠vel nossa. N√≥s podemos viver como os deuses viviam. Hoje nos defrontamos a toda hora com os mitos. Por mais que a morte do mito tenha j√° sido pregada em todas as filosofias, j√° que o pensamento reflexivo deveria decretar o fim da consci√™ncia m√≠tica, o certo √© que somos m√≠ticos, criamos mitos, e nos pautamos por mitos. O mito do cientificismo n√£o deu conta de clarear nossa exist√™ncia e resolver nossos problemas. Ao contr√°rio √© pai de outros mitos muito prejudiciais, como o mito da neutralidade, o mito da tecnocracia e o mito da objetividade, que faz par com o mito da subjetividade, que nos jogam entre o dogmatismo e o relativismo. N√£o somos um objeto. N√£o somos uma raz√£o ambulante. Somos humanos. E nos constitu√≠mos nas inter-a√ß√Ķes, nas rela√ß√Ķes mediadas por nossos pontos de vista, nossos valores, nossas imagina√ß√Ķes, nossos quereres, nossas voli√ß√Ķes, nossas emo√ß√Ķes. As quest√Ķes emotivo-volitivas s√£o nossas pontes com o outro, mediadas pela linguagem. Compreender isso √© mergulhar mais profundamente dentro de n√≥s mesmos. E foi isso que buscamos. Compreender mais profundamente o humano do homem. Que esse estudo que tanto nos ajudou a estudar o homem possa tamb√©m te provocar a voltar aos mitos cl√°ssicos, aos mitos e lendas que nos constituem e tamb√©m te ajudem a entender o nosso humano.

Valdemir Miotello

Aproveite Também

Pipocas Pedagógicas III: narrativas outras da escola

Autor Cristina Maria Campos & Guilherme do Val Toledo Prado [Orgs.] !@
Ano de Publicação 2015
P√°ginas 120
Tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-268-7

R$ 30,00

3x de R$ 10,00 S/ JUROS

-22%

A construção da enunciação e outros ensaios [Volochínov]

Autor Valentin Nikolaevich Volochínov !@
Ano de Publicação 2013
P√°ginas 273
Tamanho 16 x 23
ISBN 978-85-7993-169-7

R$ 45,00 R$ 35,00

3x de R$ 11,67 S/ JUROS

PARA UMA FILOSOFIA DO ATO RESPONS√ĀVEL

Autor Mikhail Bakhtin !@
Ano de Publicação 2017
P√°ginas 160
Tamanho 12 x 21
ISBN 978-85-79930-09-6

R$ 35,00

3x de R$ 11,67 S/ JUROS