Branding & Comunicação Empresarial: o modelo lovemarks para a construção de sentidos das marcas. Como estabelecer conexões, sentimentos e fidelidade entre marcas e indivíduos? PE326990

Branding & Comunicação Empresarial: o modelo lovemarks para a construção de sentidos das marcas. Como estabelecer conexões, sentimentos e fidelidade entre marcas e indivíduos?

Ref.: PE326990 Compra Segura

Marcelo Marques Araújo !@
Branding & Comunicação Empresarial: o modelo lovemarks para a construção de sentidos das marcas. Como estabelecer conexões, sentimentos e fidelidade entre marcas e indivíduos? São Carlos: Pedro & João Editores, 2019. 171p.
ISBN: 978-85-7993-794-1
1. Branding & Comunicação Empresarial. 2. O modelo lovemarks. 3. construção de sentidos das marcas. 4. Autor. I. Título.
CDD – 410

R$ 39,90

Escolha uma opção

Produto indisponível

Como as marcas conquistam os consumidores? Quais as motivações ao estabelecer laços identitários? E as emoções, a partir do que são criadas? Como as marcas produzem sentidos para a vida das pessoas? No decorrer dos capítulos, os leitores entenderão todo o processo que há na interação entre marcas e consumidores, percebendo que houve uma evolução nesse vínculo. Novas composições e moldes foram estabelecidos, de forma que há um grande envolvimento entre os dois atores. As indagações servirão como ponto de partida para o desenvolvimento das ideias atreladas a essa relação, a qual é marcada por sentimentos, conexões e, principalmente, por emoções.

Os conceitos de marcas, comunicação empresarial, branding, marketing e lovemarks são fundamentais para a compreensão da importância que há no papel de algumas marcas para a construção de sentidos no meio social. Nota-se, em diversas ocasiões, uma extrema influência exercida especialmente por marcas com posicionamento bem definido nas decisões, nos gostos e no modo de vida dos seres humanos. A maneira como isso ocorre é analisada aqui com a finalidade de demonstrar como os laços entre produtos e consumidores são construídos e qual o papel do afeto, acolhimento e amor nessa relação.

Saibam que as marcas capazes de conquistar os consumidores estabelecem um vínculo praticamente eterno com eles. Isso não é um spoiler, é fato. Se uma determinada pessoa, ao adquirir um produto de uma marca específica, encanta-se com esse bem ou serviço, é possível dizer que essa marca atingiu o objetivo principal, expresso pelo fato de edificar uma relação sólida pautada em fidelidade, respeito e amor com os consumidores. Em casos como esse, é visível que a emoção supera a razão em todos os sentidos, sendo isso de suma importância para o desenvolvimento e a fixação dessa espécie de afeição.

Dessa forma, veremos casos de sucesso e como essas marcas conseguiram despertar emoção, promover conexões e atingir um vínculo afetivo com os consumidores. Há exemplos em todos os ramos, desde o cinema ao futebol, da literatura à tecnologia, da moda à música, é possível enxergar o impacto causado principalmente pelas lovemarks, as quais são, indubitavelmente, modelos em todos os requisitos, tanto os mercadológicos, quanto os emocionais e afetivos.

No que se refere às estratégias relacionadas ao branding, colocaremos as lovemarks como nosso principal objeto de análise no âmbito da influência e do impacto gerado pelas marcas na sociedade. Inspiração, inovação, respeito e amor são características indissociáveis desse fenômeno, que veremos com mais atenção durante os capítulos, uma vez que servirá de base para a compreensão das questões exploradas.

Por outro lado, algo que jamais poderia faltar é uma análise a respeito do ambiente institucional, político e econômico favorável para a simbiose e o desenvolvimento das marcas, pois na ausência de um cenário propício para o empreendimento, a geração de riqueza e o consumo, a marcas ficarão impossibilitadas de executar estratégias no mercado a fim que conquistar os indivíduos que estarão desprovidos de recursos e capacidades para alcançar os próprios fins. Isso resultaria na interrupção e, posteriormente, na destruição de um processo comumente existente entre pessoas e marcas.

Quando o assunto é a relação entre marcas e pessoas, podemos afirmar que é algo amplo, pois envolve múltiplos fatores que vão desde a subjetividade que constitui os indivíduos até às questões institucionais e políticas. Entretanto, ao eleger o conceito e os exemplos de lovermarks atrelados às estratégias de branding como fios condutores da análise, vale dizer que as especificidades do tema e os vários assuntos elencados estão conectados a exemplos de grandes marcas, situações conhecidas e casos de sucesso com a finalidade de demonstrar, tanto conceitualmente, quanto na prática, o modo em que diversas marcas se tornaram lovemarks. Como disse Walt Disney, criador de uma das principais lovemarks do planeta, “se você pode sonhar com algo, você pode fazê-lo”.

Deixe os sentidos alcançarem você...

Aproveite Também

Um ser expressivo e falante. Refletindo com Bakhtin e construindo uma leitura de vozes.

VALDEMIR MIOTELLO e outros !@
Ano de Publicação 2013
Páginas 182
Tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-162-8

R$ 35,00

-17%

O homem ao espelho

Mikhail Bakhtin !@
Tamanho 12 x 22 - 110 pg.
Filosofia da linguagem
Estudos Bakhtinhianos

R$ 30,00 R$ 25,00

-20%

Estudos dialógicos da linguagem e pesquisas em linguística aplicada

Rosangela Hammes Rodrigues; Rodrigo Acosta Pereira (Orgs) !@
Ano de Publicação 2016
Páginas 338
Tamanho 16 x 23
ISBN 978-85-7993-349-3

R$ 40,00 R$ 32,00

Tranças e danças. Linguagem, ciência, poder e ensino

João Wanderley Geraldi !@
tamanho 14 x 21
ISBN 978-85-7993-273-1
236 pág.

APRESENTAÇÃO

Apresentar João Wanderley Geraldi é chuvisco em dilúvio. O tanto de textos já publicados dele, a quantidade imensa de palestras, conferências, bancas, aulas, falas de todo jeito, conversas, risadas, gargalhadas, abraços, inundam seus amigos, seus leitores, os que com ele participaram de pequenas e grandes revoluções, espalhadas por todo esse imenso país, e pelo exterior também. Revoluções profundas. Largas. Amplas. Nos sujeitos e nos seus que-fazeres. Digam ai se exagero?
Esse livro já estava organizado há uns dois anos ou mais. Mas o Geraldi sempre relutante... “Todos já conhecem esses textos...”; “há muita coisa repetida nestes textos...”; “esses textos já não interessam a mais ninguém...”. Bem, pra sabermos disso tudo só mandando esses textos andarem mais ainda pelo mundo, pelos olhos, pelas almas, pelos atos responsáveis e atos irresponsáveis. Continuar a revolução. Alargar as mentes, os corações, as relações. Deixar a palavra andar, circular. Palavra livre. Palavra provocante. Palavra vida.
Mais uma vez temos orgulho de participar dessa andança destas palavras do Geraldi. Que todos se aproveitem de sua força e da clareza possível de seus pronunciados e ditos. Queremos mais.
Boa leitura. Boa vivência!

Os editores

R$ 35,00